segunda-feira, 27 de dezembro de 2010

5 anninhos!!

E é chegada a tão esperada data.
Hoje o Eu assim, assim, eu completa 5 anos de vida, e vida bem intensa, diga-se de passagem.

Esse último ano eu cresci tanto que não me caibo mais, amadureci com tanta intensidade que é nítido ao olhar de pessoas de fora. Não vou dizer que estou encazulada pronta para virar borboleta, porque, como eu já disse antes, quem nasce para lagarta não chega a borboleta, acredito ser mais sensato dizer que estou trocando de carapaça, a anterior ficou pequena demais para mim e estava me sufocando. Ainda estou com a aparência molenga dos carangueijos que ainda não criaram a nova casca, mas olhando de uma outra perspectiva, é quando estão mais fortes.

Já faz alguns dias que eu penso no que escrever nesse post, então resolvi ler os anteriores para ter uma ideia de como eu vinha comemorando esse aniversário, para minha surpresa o primeiro post daqui revelou algo que nem é tanta surpresa assim: A presença do Gustavo.

"Gustavo, foi e sempre será de suma importância para o andamento de tudo, comentários necessários e inesquecíveis"

 Essa, sem dúvida, é a mais pura verdade, ele é a única pessoa que eu tenho que esteve comigo o tempo todo, desde os blogs anteriores a esse, o que soma uns 10 anos, sempre um amigo fiel e leal, hoje, além disso, é o melhor namorado que eu poderia ter.
Não tem como não misturar as coisas, o blog é uma extensão de mim mesma e como tal, revela o que estou sentindo, de uma forma meio torta, claro, afinal ~~se assim não fosse, como poderia ser?!~~ é da Kézia que estamos falando. ;)

E é isso, parabéns ao blog e a mim por mantê-lo!!

B-jos e,
Até!



P.S.: Obrigada a todos pela presença e comentários, vocês são muito bem vindo.

domingo, 26 de dezembro de 2010

" [...]

- Certamente que deve haver sempre um sentimento de culpa ao se assassinar alguém.
- Há muita gente que eu próprio gostaria de matar - disse Franklin alegre - Não acredito que a minha consciência me aborrecesse muito quando fosse dormir. Eu, particularmente, acho que pelo menos oitenta por cento da humanidade deveria ser exterminada. Ficaríamos muito melhor sem eles.

[...] "

Cai o pano, Agatha Christie

terça-feira, 21 de dezembro de 2010

Quanto Tempo Demora Um Mês - Biquini Cavadão
Composição: Álvaro, Bruno, Miguel, Coelho, Gian fabra

Acordei com o seu gosto
E a lembrança do seu rosto
Porque você se fez tão linda?

Mas agora você vai embora
Quanto tempo será que demora
Um mês pra passar?

A vida inteira de um inseto
Um embrião pra virar feto
A folha do calendário
O trabalho pra ganhar o salário.

Mas daqui a um mês
Quando você voltar
A lua vai tá cheia
E no mesmo lugar...


Se eu pudesse escolher
Outra forma de ser
Eu seria você.

E a saudade em mim agora
Quanto tempo será que demora

Um mês pra passar?

Ser campeão da copa do mundo
Um dia em Saturno
Pra criança que não sabe contar vai levar um tempão.

Daqui a um mês
Quando você voltar
A lua vai tá cheia
E no mesmo lugar.

Mas daqui a um mês
Quando você voltar
A lua vai tá cheia
E no mesmo lugar...

Quando você voltar
Daqui a um mês
Mas daqui a um mês
Quando você voltar
A lua vai tá cheia
E no mesmo lugar...






P.S.: Passei o dia com essa música na cabeça.

domingo, 19 de dezembro de 2010

~~Hoje eu tô sozinha, e não aceito conselhos
Hoje eu não vou falar mal nem bem de ninguém~~

terça-feira, 14 de dezembro de 2010

Se você sabe conviver com pessoas intempestivas, emotivas, vulneráveis, amáveis, que explodem na emoção: acolha-me.

Clarisse Lispector

sexta-feira, 10 de dezembro de 2010

Gatoras como eu

"Garotas como eu dificilmente são bem vistas quando passam na rua. Garotas como eu não têm admiradores, e sim intimidadores. Garotas como eu não se contentam com qualquer coisa, mas sempre esperam que os outros deduzam isso. Garotas como eu conseguem transformar a coisa mais simples em um drama completo. Garotas como eu insistem, sofrem e não desistem quando querem algo ou alguém, e quando conseguem, não fazem mais questão. Justamente porque garotas como eu nunca se acham boas o bastante. Garotas como eu quase nunca agradam as pessoas normais, e quando agradam, é só a quem querem agradar. Garotas como eu perceptivelmente não gostam de muitas pessoas normais. Garotas como eu passam uma hora com raiva, e a outra hora distribuindo sorrisos. Passam um minuto chorando, e o outro dançando! Garotas como eu muitas vezes não conseguem chorar. Garotas como eu detestam ouvir o que não querem ouvir, mas sempre querem ouvir a verdade. Garotas como eu selecionam a quantidade de amigos que cabem em suas mãos. Garotas como eu não são simpáticas quando não querem. Garotas como eu preferem ficar sozinhas, mas quase sempre só ficam bem quando não estão sozinhas. Garotas como eu são complicadas, mas fazem valer cada minuto que se perde para entendê-las (garotas como eu quase não encontram alguém que se atreva a entendê-las). Garotas como eu podem até ser raras, mas nem mesmo elas enxergam isso. Garotas como eu conseguem conquistar tudo em 5 meses, e perder tudo em 5 minutos. Uma garota como eu pode te fazer amá-la, e logo depois odiá-la.
E sabe o que eu mais gosto nelas?

É que garotas como eu não são iguais as outras. "
(De Samanta Rietveld, para todas as únicas.)

Fonte: Humor_limão
"Me sinto como num desenho animado.
Minhas pernas correm mas eu não saio do lugar."

quinta-feira, 2 de dezembro de 2010

Só mais um desabafo

Sério mesmo, detesto essa coisa que as pessoas tem de pensar que o mês, por si só, faz a diferença.
Quando começou Agosto vi trocentas pessoas dizendo: Agosto, mês do desgosto; e que iria ser muito ruim, e isso e aquilo outro. Aí Setembro é o mês do esperança, e Novembro normalmente é bom, e Dezembro para uns é ótimo e para outro é péssimo.

Olha, o mês sozinho não faz muita coisa não, se é que ele faz algo. Quem torna uma data boa ou ruim são as pessoas que vivem-na.

Caramba!! É só mais um mês, é só mais uma semana, é só mais um dia. Cabe a você fazê-los diferentes!

terça-feira, 30 de novembro de 2010

Ser intenso e extremo não quer dizer que deve se jogar na piscina  sem verificar se ela tem água. Isso não é 'extremidade' e muito menos 'intensidade', para mim é 'burrice'.

sexta-feira, 26 de novembro de 2010

"Quando minha auto-estima está em suas piores fases, é aí que a coisa pega: fico com mania de perseguição, acho que tá todo mundo querendo foder comigo, que existe um complô universal contra a minha frágil pessoa. Meu ataque nada mais é do que a defesa amedrontada de uma menina boba."

(Tati Bernardi)

quinta-feira, 25 de novembro de 2010

Comentando Comentários (edição especial)

Sr. Sete,

"Dia 14 de novembro li que estavas com uma breve crise... E os comentários chatos e previsíveis diziam que ela ia passar. Eu digo, Não existe plural para a palavra crise. Ela é uma só. Que dorme. Hiberna. E quando volta a acordar está melhorada e fortificada.
É bem do jeito que escreveste "AS CONCLUSÔES A QUE CHEGUEI NÃO SÃO NADA CONCLUSIVAS".
Insólito... Estou em crise (é, a minha acordou e acordou disposta)."



Antes de qualquer  coisa, seja bem vindo de volta!
Sabe... não acredito nessa história de 'crise'. É fácil sair por aí falando e fazendo besteira e depois colocar a culpa na pobre da crise.
Depois de tanto tempo "tranquila" acho que as pessoas se assustaram com um desabafo.
Não estou ou estava em crise, creio que SOU uma crise, e penso que você deve entender como é.
Sobre o seu post sobre o twitter, bem não o possuo mas tenho outros 2 blogs, um flickr, um flog e um tumblr. São outras formas de comunicação que descobri com o tempo, mas como dizem: o bom filho a casa torna. Esse blog, mais do que por ser um blog e sim pela história que ele possui, é único e insubstituível. Talvez seja assim para você também.

Quanto a sua crise, bem, penso que o segredo é o equilíbrio entre você e ela.
Fique bem e conte comigo. ;)

domingo, 21 de novembro de 2010

Conclusões e TDAs

Tem uma música, que eu não lembro qual e, sinceramente, não quero ir procurar, que diz mais ou menos assim:
" Cheguei a conclusão de que as conclusões a que cheguei não são nada conclusivas "
Penso que essa frase traduz muito bem o TDA, um pensamento que não chega nunca ao fim.

Ironia ou não, essa frase sempre foi um pouco do resumo de mim mesma.




P.S.: Um dia desses eu conto a minha relação íntima com o TDA
Sabe aqueles dias que você acorda com o pé direito (tendo em vista que eu sou canhota) , o dia tem tudo para dar errado e termina tudo muito bem?!

Pois é, ontem o dia foi assim. =)

quinta-feira, 18 de novembro de 2010

~~Não sei se eu saberia chegar até o final do dia sem você~~

domingo, 14 de novembro de 2010

Eu ainda vou esfregar muita coisa na cara de muita gente!


Olha..eu estou cansada..cansada de tudo e principalmente todos.
Acho muito indígdo me cobrar e não pensar em mim.
............. 

sábado, 13 de novembro de 2010

Conviver comigo mesma tem sido uma batalha constante..

sexta-feira, 12 de novembro de 2010

"Automedicar TDA com álcool e outras drogas é como apagar fogo com gasolina. Sua vida pode explodir se você tentar apagar as chamas do TDA."

(Ana Beatriz Barbosa Silva - Mentes Inquietas)

domingo, 7 de novembro de 2010

Nada de azul

~~Tudo azul, completamente blue, tudo azul, vou sorrindo e vou vivendo~~

Essa história de tudo azul não é comigo não!!
A verdade é que eu sou de todas as cores. 
Para viver vou sorrindo e vou chorando.
Ninguém é uma coisa só.
Desconfio desses extremos que não saem das pontas.

sábado, 6 de novembro de 2010

É esquisito..
Durante muuuuito tempo esse blog foi a minha vida, sabe?!
Mas hoje sei lá..
A falta de tempo atrelada a outras formas de me expressar estão me tomando tanto que ele tá meio em segundo plano.
Continuo pensando trocentas coisas para cá, mas cada vez mais penso e cada vez menos as ponho em prática.

E o mais estranho, afinal, é que eu sinto falta..

Enfim..

segunda-feira, 1 de novembro de 2010

"(...)

Ele: - Kézia, você é a pessoa não religiosa mais espiritualizada que eu conheço.
Eu: - Pois é..Eu cresci assim.

(...)"

sexta-feira, 29 de outubro de 2010

Fui, voltei e aqui cheguei! XD

sexta-feira, 22 de outubro de 2010

Envelheço na cidade

E esse foi, definitivamente, o aniversário mais estranho que já passei. Acredito que o ano, como um todo, foi um dos mais diferentes, se não o mais.
Eu entrei nos 21 anos cheia de expectativas, boas, ruins, expectativas como um todo..e me deparei com tudo o que eu não esperava.
Perdi pessoas. É, não gosto de perdê-las.
Coisas não aconteceram.
Muitos 'nãos' me rodearam durante todo o ano.
Claro que houveram coisas boas. Quanto a elas eu aprendi que é bom guardá-las para mim e quem importa, e só.

O tempo foi passando, o dia foi chegando e quando chegou a única vontade que eu tive foi a de desaparecer.
Eu não queria festa..não me lembro de uma outra vez em que eu não quisesse festa..enfim..
Mamãe fez festa, claaaro, sempre tem visitas..ahh..não há como lutar com certas situações.

Acredito que o dia passou mais leve pela presença dos meu amigos e pela certeza de ver o Gustavo. É, o Gustavo fez a diferença esse ano.

O dia finalmente acabou, senti o peso imenso da idade que chega, porque essa é, fora a morte, a única certeza.

Considerações a fazer: 

1. As pessoas são momentâneas, e isso me irrita profundamente.
2. Amigos de verdade não têm preço. Agradeço todos os dias pelos meus.
3. Espero que a comemoração pelo meu aniversário chegue logo.
4. 2661 e com a possibilidade remota de melhorar. É, fiquei feliz sim.
5. Adorei todos os meus presentes!! E nisso se inclui as mensagens e os telefonemas! *.*

E é isso.
Obrigada a todos pelas felicitações!

domingo, 17 de outubro de 2010

(...)
Eu: - Ai Fê, eu tô ficando velha...e agora? O que eu faço?
Fernadinha: - Ué, plástica!
(...)

Ela é fantástica!! *_*

segunda-feira, 11 de outubro de 2010

A Lista  

Faça uma lista de grandes amigos
Quem você mais via há dez anos atrás
Quantos você ainda vê todo dia
Quantos você já não encontra mais

Faça uma lista dos sonhos que tinha
Quantos você desistiu de sonhar!
Quantos amores jurados pra sempre
Quantos você conseguiu preservar
Onde você ainda se reconhece
Na foto passada ou no espelho de agora
Hoje é do jeito que achou que seria?
Quantos amigos você jogou fora
Quantos mistérios que você sondava
Quantos você conseguiu entender
Quantos segredos que você guardava
Hoje são bobos ninguém quer saber
Quantas mentiras você condenava
Quantas você teve que cometer

Quantos defeitos sanados com o tempo
Eram o melhor que havia em você

Quantas canções que você não cantava
Hoje assobia pra sobreviver
Quantas pessoas que você amava
Hoje acredita que amam você
Faça uma lista de grandes amigos
Quem você mais via há dez anos atrás
Quantos você ainda vê todo dia
Quantos você já não encontra mais
Quantos segredos que você guardava
Hoje são bobos ninguém quer saber
Quantas pessoas que você amava
Hoje acredita que amam você


Engraçado, toda vez que eu ouço essa música lembro daqui e penso em postá-la, mas sempre acontece alguma coisa e eu acabo esquecendo.. Lembrei dela agora a pouco, fiquei guardando a idéia para ela não escapar, por fim parei o que eu estava fazendo e vim antes que ela me fugisse novamente.

segunda-feira, 4 de outubro de 2010

Mãe superprotetora ou frescura mesmo

Tenho tantas frescuras com o blog que tô me achando uma mãe superprotetora.

Não gosto de postar nomes. Quando coloco conversas é que o foco está no que foi dito e não em quem disse, o nome da pessoa quebra esse raciocínio.
Não posto fotos minhas, como fotos minhas estão todas as que eu estou e as que eu tirei. Acho que o Flickr e o Flog estão aí para isso, não preciso do blog para 'expor' mais ainda.
Tenho uma certa incerteza a respeito das minhas meninices, por isso não as posto por aqui, existem outros meios de mostrá-las. ;)
Tento não expor demais o meu namorado. Ele não tem culpa de eu ser uma blogueira.
Tenho o costume de não descer do muro quanto a assuntos sérios. A minha opinião é particular e eu não estou afim de discutí-la com seu ninguém.
Apesar de não parecer, não jogo indiretas para as pessoas. O que eu tenho de dizer, falo na cara, não preciso, para isso, me esconder atrás de um blog.
Não escrevo de uma forma difícil. Acho que para usar a língua portuguesa deve-se conhecê-la, não aditanta usar 'mesmo' tracentas vezes e em nenhuma delas de forma correta, bem como usar palavras difíceis e poucos entenderem do que se trata.
Procuro ser o menos objetiva possível quando o assunto sou eu. O que quero que saibam eu falo, não tento dificultar nada, só não digo e ponto.
Não uso o blog para fazer propaganda de mim e ser conhecida na net, muito menos para chamar atenção. Ele é uma extenção de mim e eu não sou assim.

Não me preocupo com o que vão achar do que postei.

Enfim, e essa lista segue com uma infinidade de 'não faço', 'não uso', 'evito', 'não gosto', 'não', 'não' e 'não'.

Está na hora de deixar o blog crescer e fazer menos restrições.
Outras coisas estão surgindo e não tenho mais porque ficar com tantas frescuras por aqui já que não as tenho em outros lugares.

E é isso.

B-jos e,
Até...

quinta-feira, 30 de setembro de 2010

domingo, 26 de setembro de 2010

"A curiosidade é uma das características inerentes e indubitáveis de uma mente vigorosa."

(Samuel Johnson)

sábado, 18 de setembro de 2010

Como é difícil viver carregando um cemitério na cabeça

Acho que a memória deveria ser seletiva.
Guardar as boas e esquecer as ruins.

Tá, isso não daria muito certo, lembrar das coisas ruins nos faz pensar antes de cometer o mesmo erro novamente.

Mas lembrar de tudo o tempo todo é muito pesado.











P.S.: Falta 1 mês e 3 dias para o meu aniversário. Não sei se tenho o que comemorar...

quarta-feira, 15 de setembro de 2010

"Por alguns momentos, apenas alguns momentos, é como se houvesse assim uma espécie de esperança, de possibilidade de esperança. Seja o que for, você está quase alcançando."

Caio Fernando Abreu

quarta-feira, 1 de setembro de 2010

O que é o amor?

Esta foi uma pesquisa feita por profissionais de educação e psicologia com um grupo de crianças de 4 a 8 anos.

Respostas:

“Amor é quando alguém te magoa, e você, mesmo muito magoado, não grita, porque sabe que isso fere seus sentimentos” - Mathew, 6 anos

“Quando minha avó pegou artrite, ela não podia se debruçar para pintar as unhas dos dedos do pé. Meu avô, desde então, pinta as unha para ela. Mesmo quando ele tem artrite” - Rebecca, 8 anos

“Eu sei que minha irmã mais velha me ama, porque ela me dá todas as suas roupas velhas e tem que sair para comprar outras” - Lauren, 4 anos

“Amor é como uma velhinha e um velhinho que ainda são muito amigos, mesmo conhecendo há muito tempo” - Tommy, 6 anos

“Quando alguém te ama, a forma de falar seu nome é diferente” - Billy, 4 anos

“Amor é quando você sai para comer e oferece suas batatinhas fritas, sem esperar que a outra pessoa te ofereça as batatinhas dela” - Chrissy, 6 anos

“Amor é quando minha mãe faz café para o meu pai e toma um gole antes, para ter certeza que está do gosto dele” - Danny, 6 anos

“Amor é o que está com a gente no natal, quando você pára de abrir os presentes e o escuta” -Bobby, 5 anos

“Se você quer aprender a amar melhor, você deve começar com um amigo que você não gosta." - Nikka 6 anos.

“Quando você fala para alguém algo ruim sobre você mesmo e sente medo que essa pessoa não venha a te amar por causa disso, aí você se surpreende, já que não só continuam te amando, como agora te amam mais ainda” - Samantha , 7 anos

“Amor é quando mamãe vê o papai suado e mal cheiroso e ainda fala que ele é mais bonito que o Robert Redford” - Chris, 8 anos

“Durante minha apresentação de piano, eu vi meu pai na platéia me acenando e sorrindo. Era a única pessoa fazendo isso e eu não sentia medo” -Cindy, 8 anos

“Não deveríamos dizer eu te amo a não ser quando realmente o sintamos. e se sentimos, então deveríamos expressá-lo muitas vezes. As pessoas esquecem de dizê-lo” - Jessica, 8 anos

“Amor é se abraçar, amor é se beijar, amor é dizer não” - Patty, 8 anos

“Amor é quando seu cachorro lambe sua cara, mesmo depois que você deixa ele sozinho o dia inteiro” - Mary Ann, 4 anos



Achei tãaaaao bonitinho isso *_*

Gustavo, eu amo você!
Feliz aniversário!

terça-feira, 24 de agosto de 2010

Ontem, enquanto eu fazia a janta, tocou Boa sorte, da Vanessa da Mata. Me deu uma saudade tão enorme dos meus amigos..um aperto no peito..
Saudade de quando a Livia ia lá para casa e nós ficávamos o dia todo sem fazer nada, só falando besteira e comendo brigadeiro.
Saudade de quando eu saia de carro com o Hermes e ia sempre pelo caminho mais longo só para poder dirigir mais um pouquinho, nós cantávamos e eu sempre muuuuito falante contando as coisas para ele.
Saudade de passar a madrugada inteira ao msn com o Gustavo, falando o que quer que fosse, porque ele sempre me entendeu e ficou do meu lado mesmo eu estando errada.
Saudade de encontrar a Tayná, olhar para ela e ter aquela sensação boa de que parece que foi ontem que nos vimos, mesmo tendo meses que sequer nos falamos.
Saudade dos programas de índio com a Livia e a Natália, que eram sempre hiper divertidos.
Saudade de poder ligar para a Tânia no fim de semana só para ela vir lanchar comigo.

Enfim..
Saudade dos meus amigos.

quarta-feira, 18 de agosto de 2010

"Necessidade, significa algum estado interno que faz certos resultados parecerem atraentes."

sexta-feira, 13 de agosto de 2010

"O mundo não é justo, eu sei,
mas por que ele nunca é injusto a meu favor?"


Calvin and Hobbes

domingo, 8 de agosto de 2010

Não entendo o porque de tanto medo de agosto.

Para mim é só mais um mês...

quinta-feira, 29 de julho de 2010

domingo, 18 de julho de 2010

Um ano e meio

É, eu não pensei que fosse durara tanto não..
Na verdade acho que eu simplesmente não pensei.
As coisas foram acontecendo, acontecendo e acontecendo, e cá estamos nós.

É isso aí.
Que muito mais aconteça!

Amo você MEU complemento roxíssimo!!

Soco no estômago

" - Anna K. a sinceridade só é necessária para quem é importante! "

Cara..Essa frase, que na verdade eu nem concordo, me respondeu muitas perguntas que eu não tinha encontrado a resposta ainda..

Acho que a sinceridade é sempre necessária, mas não dá para cobrar reciprocidade do que eu acho ou deixo de achar.






P.S.: Doeu, me deixou um tempinho sem ar, demorei alguns segundos para processar e por fim entendi.

quarta-feira, 7 de julho de 2010

E ela foi fazer carreira!!

Então, Tânia, prima Tânia, prima, companheira, amiga de fé e irmã camarada.

É engraçado como eu não me lembro de já ter brigado com ela, olha que eu já briguei muuuuito com todos os primos, me lembro de uma discussão que tivemos uma vez na casa da vovó, sabe-se lá porque, eu gritei, ela gritou, eu saí batendo o pé para um lado e ela para o outro, porque nós sempre fomos assim, quanto menores e mais novas menor o pavio. Despois de alguns minutos estávamos as duas lá fora juntando a bagunça que fizemos durante a tarde. E foi isso, é o máximo que eu lembro de 'briga' com ela.

Eu era muito grande e gorda para a minha idade, mas olhava para ela e a via enorrrrme, magra e alta, beeem alta. Uma vez conversando com ela sobre o quanto eu a achava grande e velha, são 5 anos de diferença, ela disse "Anna, hoje a diferença é realmente grande entre nós, mas quando você tiver 20 anos, não vai mais haver diferença". De fato, hoje eu tenho 21 anos, e não vejo mais deferença, conversamos de igual para igual, não tem mais a história de ela ser mais velha, não a vejo mais assim, e às vezes quando falo com ela lembro de quando havia a diferença e ela sabiamente disse que era temporário.

Quem me conhece a um tempo sabe do quanto eu era apaixonada por Fórmula 1, o que ninguém sabe é que a Tânia influenciou bastante nisso. Ela passava muito tempo na vovó, e eu também, teve um dia que eu estava indo embora já (era tarde) e ela no sofá com uma coberta, eu perguntei se ela ia dormir ali e ela disse que não ia dormir, pois de madrugada tinha corrida e ela queria ver, eu fiquei passada, "como assim você não vai dormir para ficar vendo corrida?! Você é doida!!". Certo, 1 ou 2 anos depois estava eu fazendo exatamente a mesma coisa, madrugada acordada para assistir corrida, é a vida.

Ontem eu fui tomar sopa na casa dela, hoje ela foi para Bento Gonçalves, ela foi mas ela volta, depois ela vai e não sei quando volta, aí eu vou atrás dela e fica assim.

É, vou sentir saudade de falar com ela quase todos os dias, de conversar sobre o quanto nos achamos loucas mas na verdade não passamos de humanas, de dar consultorias para ela, de chamá-la para para passar o final de semana comigo, de jogarmos com amigos, enfim, da convivência.

É isso.
Ela foi atrás da carreira dela, e eu tenho orgulho disso!!

sexta-feira, 2 de julho de 2010

~~Quem sabe eu volte cedo ou não volte mais~~

terça-feira, 29 de junho de 2010

Conversinha

"(...)

Eu: - Ué, achei que ia chegar aqui e todo mundo ia 'tá' com a roupa do Brasil, fazendo barulho e comendo pipoca.
Ele: - Kézia, nós não somos hipócritas.
Eu: - Verdade.

(...)"

sexta-feira, 18 de junho de 2010

Acredito que uma certeza é necessária para ter a segurança de continuar tentando.



P.S.: Ainda estou procurando a minha certeza...

sábado, 12 de junho de 2010

Dia dos namorados

Aos namorantes de plantão: Feliz dia dos Namorados!


Ao MEU Namorado:  

Obrigada por tudo!!!



P.S.: AMO VOCÊ!, meu roxíssimo!

sexta-feira, 11 de junho de 2010

Tem gente que de longe vê a fumaça, 
acha que é incêndio, 
chega jogando água 
e acaba com o churrasco.










P.S.: Fico braaava...

quarta-feira, 9 de junho de 2010

" - Mas você nunca deve deixá-lo saber disso, Amelia", Grandmére disse, severamente. "Você deve mantê-lo  sempre em dúvida sobre seus sentimentos, sempre na linha. Homens gostam da caçada, sabe, e uma vez que tenham capturado sua presa, eles tendem a perder todo o interesse. "

( A princesa à espera - O diário da princesa, volume 4)

segunda-feira, 7 de junho de 2010

" E Aristóteles pergunta: Como o homem deve viver? Do que o homem precisa para viver uma boa vida?
Posso responder resumidamente: O homem só é feliz se puder desenvolver e utilizar todas as suas capacidades e possibilidades. "

( O Mundo de Sofia)

quarta-feira, 2 de junho de 2010

Acho que minha cabeça está cansada de ser ela mesma...



















Talvez eu precise dar uma descansada de mim.

segunda-feira, 31 de maio de 2010

"Fique de vez em quando sozinho, senão você será submergido. Até o amor excessivo dos outros pode submergir uma pessoa."

- Clarice Lispector

segunda-feira, 24 de maio de 2010

Retaliação!!









P.S.: Sou boa nisso...aprendi de pequena...

sexta-feira, 21 de maio de 2010

Fazer tudo certo não te dá a certeza de que vai chegar ao objetivo planejado.

















P.S.: Essa parte talvez seja a mais dolorida, não ter a certeza de vá dar certo..

terça-feira, 18 de maio de 2010

Amigos de verdade

Outro dia estava eu com a cabeça cheia e sem conseguir me concentrar em nada, resolvi ver meus emails e sabe-se lá porque fiquei on no msn.
De repente ele veio falar comigo, eu perguntei se era ele mesmo, ele provou que era me chamando e escrevendo meu nome de uma forma peculiar.
Começamos a conversar, perguntei se estava bem, pela namorada, ele respondeu e perguntou pelo meu namoro, se eu estava bem.
A conversa fluiu e chegou a uma amiga em comum, eu disse que ela estava bem, que estava namorando e tal, ele comentou: " - Na última vez que falei com ela ela parecia apaixonadinha" 
e eu completei: " - Normal" 
ele não entendeu muito bem e eu fui explicar: " - Ué, ela é uma garota normal, garotas normais se apaixonam" 
por fim eu conclui (quase que para mim mesma): " - Sabe, acho que ás vezes eu queria ser uma dessas menininhas" 
e ele retrucou na hora: " - Queria nada, você se machuca fácil!" 
eu fiquei assustada e perguntei de onde veio isso, e ele mais uma vez retrucou: " - Véi, eu te conheço",
e eu, em vez de me recolher, insisti: " - Certo, mas eu mantenho a minha pergunta, como você chegou a essa conclusão?" 
ele simplesmente responde: " - Não sei como não, eu só sei!" 
e eu concluo: " - É, você tem razão, e sabe por quê? Porque eu não sou uma dessa menininhas, logo, não costumo me envolver, resultado? Sempre que me envolvo me machuco." 
e ele sabiamente termina o assunto dizendo: " - Véi, que maaaassa!"

Amigos que me me conhecem, me respeitam, confiam e falam!
Não os troco por nada!

quarta-feira, 12 de maio de 2010

Quem nasce para lagarta







Nunca chega a borboleta.

domingo, 9 de maio de 2010

Comentando Comentários

(Parte final)

Maldito,

"Muito obrigado Kézia,..o DpM se sente honrado com a indicação!"

Não há de que.


Heygon,

"nuss eu não sabia que ia causar tanto estrago assim
kkkkk
maus ai...
o.O
q q eu to falando??
não fiz nada
kkkkkk
#zoa"



Perdeu uma ótima oportunidade de ficar calado.



Talita,

"sempre bom passar por aqui.
bjs"

Volte sempre! XD



Érica Pacher,

"Boa escolha ! Essa musica é muito boa, e tem uma letra maravilhosa tambem! :*"

Obrigada! ;)



Mirutyaro,


"Tb ñ entendi a piada... mas mesmo no internetês, é "hífem", e não ifem..."

Agora você já deve ter entendido e...hífem ou ifem..quem nunca cometeu um erro de ortografia que atire a primeira pedra.



Pedro Netto,


""meu amor eu sinto muito, muito, muito mas vou indo...""


~~Pois é tarde, é muito tarde e eu preciso ir embora~~
Saudade de você!!!!



Sofia,

"Iniquidade célica"

Tive de procurar no dicionário >_<"


E é isso!
Muito obrigada a todos pelos comentários e voltem sempre!

B-jos e,
Até!

segunda-feira, 3 de maio de 2010

Pérolas da Natália

"(...)

Ela: - Caiu o acento do plural, né?!
Eu: - Oxi, plural nunca teve acento não!! õ.O

(...) "

sexta-feira, 30 de abril de 2010

Comentando Comentários

(parte 3)

Mini Chef,

1. "Nossa que forte...
Tipo o contrário do amor não é ódio,
mais sim a indiferença...."

Indiferença!!

2. "Pois é Flor mais linda....
Eu acrescentaria uma foto de palhaço ao final da frase,pra ilustrar o ser que cumpre tudo que é dito nessa definição!
------>Acrescentaria mais propriamente dito,minha foto!Vestida de palhaça!!!!!<------------
Estou desencantada,só isso!

Amo com amor do tamanho de uma girafa vestida de elefante!"


Desencanta não, se não deu certo é porque ainda não chegou ao fim, seguir a ética faz mais bem a você mesma do que aos outros, e a sensação de colocar a cabeça no travesseiro e dormir em paz.
Adorei a girafa vestida de elefante!! *_*
Saiba que é recíproco!

 
Vivi,

1. "tá perdoada! choro junto...
o quebra-cabeça de pauzinhos... tinha esquecido dele!
powxa...
:("

Os pauzinhos são ótimas recordações do que ele era, afinal, os fez com as próprias mãos. ;)

2. "Haha! Prima, simplesmente a-do-ro essas sus confissões... ops! Eu disse confissões??? Era confusões que eu queira digitar.
Mas tá valendo!
B-jim."


Hehehehehhe
Confissões de várias confusões XD


3. "Bem...
eu diria...
analisando o meu caso, e o gato sendo eu...
que "gato escaldado tem medo até de espirro!"

:* "



Esse é o espítiro da coisa! ;)



Sr Sete,

"hein?"

Sabe aquela música que diz 'fala demais e não tem nada a perder dizer' ? Pois é, não é bem assim que funciona não, quem fala demais perde até o que não tem.


Angel,

"Consultei o oráculo, Mr Google, e ele me disse que trata-se de uma parte do Código de Ética do Servidor Público.
Acho que muitos não leram este código...
Abraços!"


Isso é mal de concurseiro ^^

quarta-feira, 28 de abril de 2010

Sobre novelas, música, namoros e é isso

Estava eu umas 9 e pouco da noite, acabada, largada no sofá, olhando para a TV e sem prestar atenção no que acontecia.
De repente começa a tocar uma música conhecida ~~só enquanto eu respirar, vou me lembrar de você~~ e eu fico parada por alguns segundos tentando entender o que estava acontecendo, logo caiu a ficha e eu dei um pulo do sofá "Caraca, é o Teatro Mágico!!!" e minha mãe olha para mim com uma cara de meio assustada, "olha, olha, olha, esse é o Teatro Magico! Aquela banda que eu fui ao show com o Gustavo, lembra?!" e ela ainda me olhando meio estranho..

Peguei o celular e liguei para o Gustavo:

"Eu: - Oooi, tudo bom com vc?
Ele: - Tudo e com você?
Eu: - Eu to bem também, você tá vendo a novela?
Ele: - Não.
Eu: - O Teatro Mágico tá na novela das 8, caraca, eles eram completamente contra essa exposição e aí estão na novela das 8. Ooooolha, tá escutando? ~~vou me lembrar de você, só enquanto eu respirar~~
Ele: - Não, eu estou escutando você, não dá para escutar o dois.
Eu: - Ahhh..então vou ficar calada para você escutar a música.
Ele: - Não, pode continuar falando, eu prefiro escutar você.
Eu: - Ouunn *_*, que bonitiiinho esse meu namorado roxo.
Ele: - Que nada.
Eu: - É sim, tá?! Enfim, era só isso. Boa noite e dorme bem!
Ele: - Obrigada, você também. Tenha uma ótima noite.
Eu: - Beeijo.
Ele: - Beeeijo. "

Então começou a propagando e eu ainda sentada sem acreditar muito. Pensei "Vou ligar para Rafa!", abri o celular, coloquei no número dela e fiquei olhando para a tela "Claro que ela não vai estar vendo a novela Kézia!!", fechei o celular e pensei "Então vou ligar para a Roberta.." aí a Anna aqui na minha cabeça gritou comigo "Kézia, óbvio que a Roberta não está em casa, você é a única criatura que está em casa, vendo a novela, em pleno sábado a noite!!" tá bom então me conformei e me larguei novamente no sofá.
Voltou a passar a novela, coisas aleatórias quando começa outra música ~~Eu sinto que sei que sou um tanto bem maior~~ e eu novamente dou um pulo do sofá, toda empolgada, cantando e dançando a musiquinha, fui explicar para a minha mãe quem era quem "Ooolha, essa é a Gabriela, ela é muito fantástica, é mó bonita e tem muuuuita força no braço *.*. Esse é o Fernando Anitelli, ele é meio doidinho, mas..puuutz, é muuuuito inteligente, praticamente todas as músicas são dele" e minha mãe voltou a fazer o seu bordado.
Bem, aí o Maradona, argentino dono do restaurante, interrompeu, e disse "Quero agradecer ao grupo O Teatro Mágico ... " e eu respondi "Viu?! Eu disse que eram eles!! " e a Giovana Antoneli começou a passar mal e disse que o bebe dela tava nascendo.

E foi isso. ;)

domingo, 25 de abril de 2010

Comentando Comentários

(Parte 2)

Nega,

1. "Sim, a indiferença é a arma dos covardes. Ainda creio que a coragem consiste em botar o peito a prova, em dar a cara a tapa, se expor!


Mas é um episódio intenso! :D"

Discordo, não acho que a indiferença seja para os covardes não. Muito pelo contrário, tem de ter muita força e coragem para dar a cara a tapa e ser julgado pelo seu julgamento, ser indiferente (e nesse caso me refiro a ser com relação a alguém ou algo em especial, e não quanto a vida como um todo) é mostrar a sua reação, a sua resposta, e mostrar o que pensa não é para qualquer um não.

2. "Vai encontrar novamente, não aqui, mas vai."

Espero que logo.

3. "e pega fogo a mente e a ira da minha amiga. Dias melhores virão!!! :D"

Às vezes interpretamos as coisas como achamos que elas se encaixam, mas existem peças que cabem em mais de um lugar.
Sim, dias melhores sempre chegam. XD

4. "fooooooooooooooooooooooooofaaaaaa amei :D
Amiga mais analista de minha life!!! :D"

Disponha! XP

5. "Inspirou-se em nosso diálogo de ontem,rsrsr adorei sua percepção exacerbada das coisas que andam acontecendo! bjussss amiga :D"

Pior que nem foi não, as coisas que andavam acontecendo, apesar de não parecer, não tinham esse poder todo não, meu blog é muito MEU para eu ficar colocando essas coisas que no fim não acrescentariam nada. ;)

6. "E é isso que a torna fascinante :D"
 

Não acho a humanidade fascinante não, alguns, mas não o todo.

7. "amo mudanças *__*"

Mudanças são necessárias.

8. "kkkkkkkkkkkkkkkkkkk que bom que az Nath apesar de ser uma fofa, não é minha aluna!"

Hihihihihihihi
Ela é uma ótima aluna XD



Rafa,

1. "gente.. to tão chic assim.. ganhei da Vivi e ganhei seu pros 3 blogs.. hohohooooooooo..
muito bom..
aproveito para divulgar o novo blog que faço parte, esse comercial: www.ikbazar.com.br
vai lá.. e obrigadaaaaaaa!!"

Tá não, você É chic!!! XD

2. "Invasão de privacidade. Nome de filme, até.. Estar online dá nisso mesmo..."

Eu nunca tive muitos problemas com isso, sabe?!
O que me incomoda não é o fato de ter lido meus scraps ou o de ficar vigiando meu orkur, até porque eu sou da política de que 'quem não deve não apaga scrap', o que não quero que apareça eu não coloco na net, e ponto.
Agora, quando se trata desse tipo de perseguição, um louco desse tipo, estar online não muda muita coisa. E isso é o que procupa.

Enfim..

sexta-feira, 23 de abril de 2010

Comentando Comentários

(Parte 1)

Energize-me,

1. "Gostei do comentário da Sofia ^^"

Ela é boa nisso. ;)

2. "A vida é mesmo complicada."
E suas complicações a tornam mais emocionante, principalmente se com você. =****

3. "Eu não entendi a piada.. =x"

Coloque o nome de pessoas de verdade em 'Fulana' e em 'Ciclano', talvez assim faça mais sentido.

>> Amo você!!!

quinta-feira, 22 de abril de 2010

Desabafo

Tem uma coisa aqui engasgada que eu acho que se eu não falar eu vou me arrepender depois.

Sabe,
uma coisa é ter carinho, cuidado, afeto pela minha pessoa, é querer conhecer com quem eu tenho andado para saber se estou em boa companhia.
Isso para mim é gostar.

Agora, outra coisa é vigiar o meu orkut para saber o que eu tenho feito, é conseguir pegar (ou achar que pegou) uma conversa inteira por scraps (que são apagados por uma das pessoas) e ver local, dia e hora marcados, é chegar ao ponto de ir ao local marcado para que por "coincidência" me encontre lá.
Nesse tipo de coincidência eu não acredito, não para esse tipo de pessoa, porque as coincidências são manipuladas de acordo com a vontade delas.
Isso para mim é obsessão.
Isso para mim é perseguição.
Isso para mim é uma doença que deve ser tratada.

E, olha, se eu já não queria perto de mim antes, agora eu quero menos ainda.
Acredito que no mundo muita coisa seria evitada se alguns cuidados fossem tomados com esse tipo de gente.
Não venham me dizer que devemos ser caridosos, que devemos ajudar alguém que precise, eu fiz o que eu pude e até mais, acontece que eu não quero mais ajudar, vire-se e de preferência bem longe de mim.
Eu sou egoísta sim e  vou pensar em mim e em quem gosta de mim de verdade.
Ponto!

quarta-feira, 21 de abril de 2010

Porque Eu Sei Que É Amor
Titãs
Composição: Sérgio Britto e Paulo Miklos

Porque eu sei que é amor
Eu não peço nada em troca
Porque eu sei que é amor
Eu não peço nenhuma prova

Mesmo que você não esteja aqui
O amor está aqui

Agora
Mesmo que você tenha que partir
O amor não há de ir
Embora

Eu sei que é pra sempre
Enquanto durar
E eu peço somente
O que eu puder dar

Porque eu sei que é amor
Sei que cada palavra importa
Porque eu sei que é amor
Sei que só há uma resposta

Mesmo sem porquê eu te trago aqui
O amor está aqui
Comigo
Mesmo sem porquê eu te levo assim
O amor está em mim
Mais vivo

Porque eu sei que é amor

domingo, 18 de abril de 2010

Sensação de ciclo que se fecha.

Depois reflito mais sobre isso.

Sinto-me uns 10 quilos mais leve.

;)

sexta-feira, 9 de abril de 2010

"Gato escaldado tem medo de água fria!"





P.S.: E tenho dito!!

Pérolas da Natália

Mais um capítulo da saga:

Ela: - Como é o sujeito eliptico?
Eu: - É o sujeito oculto, só que com um nome mais fresco. XD
Ela: - Não seria mais fácil se fosse ecliptico?
Eu: - õ.O
Ela: - Para mim ficaria tudo mais claro assim!

terça-feira, 6 de abril de 2010

"Muita gente que fala demais sofre de pura falta de assunto mesmo."

(Prima inteligentíssima Vivi )

domingo, 4 de abril de 2010

Páscoa

~~Então... é Natal, e Ano Novo também~~

Certo, não é Natal, muito menos Ano Novo (claro que..tudo depende do ponto de vista, levando em conta que o ano de verdade só começou agora, tá valendo), é Páscoa.

Lá se foi a semana santa, ficar em casa, ver os amigos ( *.* ), não passei muito tempo com o namorado ( essa parte é beeeeem triste =/ ), chuuuuva, garganta inflamada, chocolaaaate, manicure, Nana nº 18 (essa história fica cada vez mais confusa na minha cabeça), Tânia, chocolate quente com tentativas de paninis, jogos legais, carregador novo de pilhas.

Enfim, váaarias coisas.

E por que mesmo que eu estou dizendo isso tudo aqui?! õ.O
Ah sim..a ideia inicial era a de dizer que tenho várias ideias (redundante, não?! )
Ok, explico melhor.

Tenho tido várias ideias do que postar aqui, sempre anoto quando algo vem de repente, partes de músicas, muuuitos textos que eu 'escrevo' na cabeça enquanto faço uma outra coisa, mas que nunca chegam até o papel. Para o flickr também funciono mais ou menos assim, vejo as coisas e logo penso "isso ia ficar bem legal numa foto" e guardo o pensamento para um outro momento em que caiba a situação de sair correndo pegar a máquina e montar um cenário para fotos.

E isso tudo foi para dizer que eu queria ter tirado fotos de páscoa, sabe?!
Aquelas clichês com orelinhas e bigodinhos, ovos e bastante chocolate, mas não tirei.
Sei lá porquê..só não tirei.
Talvez eu tire depois, ou não.

E é isso.

B-jos e..
Até!

domingo, 28 de março de 2010

Isso - Titãs

Composição: Tony Bellotto

Isso!
Que acontece com a gente
Acontece sempre
Com qualquer casal
Isso!
Ataca de repente
Não respeita cor
Credo ou classe social
Isso! Isso!...

Parecia que não ia
Acontecer com a gente
Nosso amor era tão firme
Forte e diferente...

Não vá dizer
Que eu não avisei você
Olha o que vai fazer
Não vá dizer...(2x)

Não adianta mesmo reclamar
Acreditar que basta
Apenas se deixar levar
Isso!
Que atrapalha nossos planos
Derrubou o muro
Invadiu nosso quintal
Isso!
Passam-se os anos
Sempre foi assim
E será sempre igual
Isso! Isso!...

Parecia que não ia
Acontecer com a gente
Nosso amor era tão firme
Forte e diferente...

Não vá dizer
Que eu não avisei você
Olha o que vai fazer
Não vá dizer...(2x)

Isso! Isso!...

quarta-feira, 24 de março de 2010

Pérolas da Natália

Um dia de estudo pode ser muuuuuito proveitoso.
Numa disputa ferrenha para ver quem ganha, ela ou a gramática:

"(...)

Ela: - Para que serve o hífem?
Eu: - Ué *pensativa* para separar..
Ela (sem pensar duas vezes): - Bota o ifem entre Fulana e Ciclano!!
Eu: - Mas eles não são um só..
Ela: - *risinho* Deixa, você não entendeu a piada.
Eu: (depois de muito tempo) - ahhh.. *risos*

...

Eu: - Essa vai ter de ir para o blog!!

(...)"

domingo, 21 de março de 2010

Ira - Saída

Não vou mais gritar que te amo
nem vou mais pensar se te quero
se você pretende que eu seja
o futuro da nação, nem chegue perto
pois eu não sou isso não

não vou lhe agradar, eu não quero

nem lhe sustentar, eu espero
que você me entenda, isso eu quero

vou rasgar toda gravata
vou viver na praia
se quiser, venha, mulher

não vou mais cortar a sua grama
nem vou acatar sua trama

e os homens que se julgam espertos
vão ficar tão engraçados, atrás de suas mesas
eu vou me sentir tão bem
que vou lhe sentir também

quarta-feira, 17 de março de 2010

~~Quem é dono da verdade, não é dono de ninguém, só não se esqueça que atrás do veneno das palavras sobra só o desespero de ver tudo mudar~~
É engraçado como a maior repercussão surge do menos esperado..

A humanidade é mesmo complicada..

quinta-feira, 11 de março de 2010

Ética

" Ser probo, reto, leal e justo, demonstrando toda a integridade do seu caráter, escolhendo sempre, quando estiver diante de duas opções, a melhor e a mais vantajosa para o bem comum "

(Código de Ética)

segunda-feira, 8 de março de 2010

Selo *_*

Então, ganhei um selinho das Primas Vivi, Tânia e Lili.



O lance é responder a uma perguntinha:

Para você, o que não tem preço?
Eu poderia filosofar e dizer que é receber uma ligação, depois de um dia extremamente angustiante, de alguém importante que só queria mesmo dizer 'oi' e saber como estou; ou ouvir minha mãe dizer que eu sou uma pessoa boa demais; ou meu namorado sussurar "Kézia, hoje eu já disse que te adoro?"; ou mais infinitas possibilidades.

Mas eu vou resumir em uma coisa só:

Ser amada!
Ser amada não tem preço!

E indicar 9 blogs que receberão o selinho. Certo, vamos lá:

Energize_me (namorado Roxo)
Mini-Chefe(Prima linda)
Vivi Zion (Prima dos cachos lindos)


Roberta
Sofia (menina moça)
Maldito
Rafa - Não queria mesmo
Rafa - Diário de uma traceuse (pela ótima iniciativa)
Rafa - Encare o lobo (pela coragem)


Obrigada meninas, adorei!

B-jos e,
Até..


terça-feira, 2 de março de 2010

Verbalizar

(parte 2)

In.jus.ti.ça

sf Ausência de justiça; ação injusta; iniquidade.



[Amora. Soares - Minidicionário da língua portuguesa]

sexta-feira, 19 de fevereiro de 2010

~~Perdoa se eu chorar..É que a saudade dói demais..~~

Como foi dito, a dor de agora é a certeza de não mais tê-lo..mas a dor da semana que vem vai ser pior..vai ser o 'sentir falta', que é olhar as coisas que ele gostava, e fazia, e dizia, e ter a certeza de que ele não vai voltar..

E é isso..

terça-feira, 16 de fevereiro de 2010

Kézia, sai de cima do muro!!!!

"(...)

Eu: - Ahhh..eu sempre fico em cima do muro.
Ela: - E é por isso que você faz Parkour! XD

As duas: *risos*

Eu: - Essa com certeza vai para o blog!!! *mais risos*

(...) "

quinta-feira, 11 de fevereiro de 2010

"(...)

- E eles brigavam muito?
- No silêncio. Como um grito.

(...)"

[episódio de Could Case]

sexta-feira, 5 de fevereiro de 2010

Comentando Comentários

(Parte final, finalmente)

Maldito,


"è,..grande, mais interessante o duficiente para ser lido ate o final!
Inté
rsrs"

Obrigada!! XD



Sr. Overground,

1. "Éhhhhhhhhhhhhhhhhhh..
Vamos provar que somos algo que não somos!
Uhhuu! "

Somos quem podemos ser.

2. "Eu realmente precisava de ajuda.. =/"

Eu realmente não pude ajudar.

3. "E o que haveria de mais importante que partes suprimidas!?
p.s. Não era natural de Libra observar de todos os pontos de vista?"

As que estão evidentes!? As que de fato eram para ser entendidas!? õ.O
Não sei..não sou de seguir signos não. Quem rege a minha vida sou eu, e não o meu signo.



Angel,

1. "Parabéns pelos 4 anos! Desejos sinceros de um bloguinho de apenas um mês... rs.
Abraços."

Obrigada!!
Parabéns pelo primeiro mês, e que venham muitos outros pela frente!!

2. "Concordo com a moça ai de cima, haja autocontrole! Mas é possível sim, e aquele papo de "culpa do instinto" não cola.
Ótima reflexão! Abraço."

É, concordo com vocês (você e a moça de cima rsrs), instinto é emoção, tem de haver um equilíbrio, não dá para ser emoção sempre não, aí entra a razão, o saber se controlar, se conter a algum acontecimento algumas vezes incontrolável.
Enfim.. é isso. Obrigada.

3. "rs... Esse diálogo ai mostra o que acontece inúmeras vezes nos relacionamentos. As mulheres querendo a certeza de que são amadas, e nunca satisfeitas (palavras deles), e os homens, eternamente práticos. Custa dizer "eu te amo", por acaso?
Adorei ler!
Abraços."

Poxa...>_<"
Sabe..Por acaso custa..ao menos para mim...
O que acontece é que as mulheres são sentimentais, emocionais, se jogam de cabeça.
Os homens não, eles se seguram, não querem dizer para não se machucarem.
As mulheres não, elas dizem, sabendo que vão se machucar, dizem porque amam intensamente, e "querem gritar para o mundo inteiro ouvir".
Enfim..
Filisofei mais uma vez.
Gosto dos seus comentários, eles me fazem refletir sobre o que eu postei. ^^

Eu é que agradeço suas visitas frequêntes.


Júnior,

"Melhor amigo dela e depois se apaixona.
Meu aconteceu isso, era minha melhor amiga e do nada ficamos e hoje não vivo sem ela, melhor amiga e melhor namorada (LL "

Essas coisas são mais comuns do que imaginamos. ^^


Anônimo,

"Aprendi muito "

Fico contente que aprendeu algo por aqui.
Uma coisa eu não entendi...


Obrigada a todos pelas visitas e pelos comentários!! XD

B-jos e,
Até...

quarta-feira, 3 de fevereiro de 2010

Idem

" (...)

- Eu te amo.
- Idem.
- Por que você nunca diz?
- O que?
- Que me ama. Você nunca diz.
- Eu acabei de dizer.
- Não, você acabou de dizer "Idem".
- É a mesma coisa.
- Não, não é a mesma coisa.
- Qual a diferença?
- A diferença é que eu sempre digo que te amo e você sempre reponde "Idem".
- E?
- E eu to cansada.
- Do que?
- De ser a única que ama por aqui.
- Você sabe que eu sinto o mesmo...
- Não, eu não sei. Eu não sei de muitas coisas, há muito tempo.
- Pra que você quer que eu diga com essas palavras? Os sentimentos existiam antes do alfabeto sequer ser inventado.
- Não vem com aquela história de que a poesia era mais velha que a livraria...
- Adoro essa frase.
- Por que você sempre desvirtua a conversa quando eu chego a esse ponto?
- Eu não disse nada.
- Exato, esse é o grande problema por aqui.
- O que você quer?
- Eu só queria ouvir você dizer, é importante pra mim.
- Dizer o que?
- Que me ama também. "Idem" não é suficiente. Não mais.
- Por que você faz tanta questão disso? Eu to aqui do seu lado, na mesma cama que você.
- Seu corpo tá aqui, mas você não.
- A gente acabou de fazer sexo, eu to aqui.
- A gente acabou de fazer amor, mas você é incapaz de proferir essas três palavras.
- Tá bom, que seja. Eu te amo, satisfeita?
- Agora sim.

(...)"

[do filme Ghost]

Sempre adorei essa parte, não sabia muito bem porque..talvez eu tenha me identificado com a cena antes mesmo de sentí-la. Hoje é fato, continuo me identificando, porem hoje eu a sinto, entendo o que quer dizer.







P.S.: Eu acho o "IDEM" muito válido XD

domingo, 31 de janeiro de 2010

3 considerações a fazer

- Dou um boi para não entrar numa briga.

- Dou uma boiada para não sair dela.

- Só entro em briga para ganhar!







Ponto. Acabaram as considerações.

terça-feira, 26 de janeiro de 2010

Verbalizar

(parte 1)

Hi.po.cri.si.a

sf 1. Falsa devoção; 2. afetação de bons sentimentos, que não se tem; 3. fingimento.


[Amora. Soares - Minidicionário da língua portuguesa]

segunda-feira, 18 de janeiro de 2010

Comentando Comentários

(parte 4)

Mini-Chef,

1. "Por que estás abatida, ó minha alma, e por que te perturbas dentro de mim?
Eu até tento perguntar as coisas pra ela,mais ela tá mais destrambelhada que eu..."

Equilíbrio é sempre a chave..o difícil é encontrá-lo.


2. "Vixi.....conheço essa dor......
Dor do quase é uma dor que se sente calado,porque não tem o que reclamar...afffffffffffffffff"

A dor do quase é sentir o quase não ter nada para sentir.


Viviane Zion,

1. "ai! essa música me traz uma sensação... dorzinha chata aqui entre os pulmões, cê me entende?"

Ô se entendo...

2. "uhuuuuu!!!
fiu-fiu!
parabééééééénsss!!! procê i pru blogui!!! ^^"

Obrigaaaaada!!

3. "é... um círculo, definitivamente, não é um quadrado! rs

:***"

E não há nada que se possa fazer em relação a isso.


B-jos e,
Até...

quarta-feira, 13 de janeiro de 2010

"Rousseau defende que o homem é o único animal a possuir liberdade,
porque ele pode fazer escolhas que vão contra seus instintos ou determinações naturais"

(Lilian Pinheiro - Homem, o ser tecnológico)

quarta-feira, 6 de janeiro de 2010

Comentando Comentários

(Parte 3)

Sete
,

1. "Sabatina aos opostos para saber se é verdade!
Digo logo: Os opostos se atraem e permanecem se ainda que opostos optarem pelo amor."

Descordo.
Omor é imensurável.(ponto)
Porém é como um quadrado e não um círculo. (ponto)
Suas arestas se não forem cuidadas pelos detalhes vão se desgastanto. (ponto)
E pode terminar como um círculo, o que definitivamente não é um quadrado.

2. "hihihihih...
Quando volto volto em momentos especiais!!!

Ô Aniversário!!!
Ô 2010..."

Podia voltar mais vezes, né?!

Chegou!

=***

domingo, 3 de janeiro de 2010

É incrível como ninguém, NUNCA, se contenta com o que temos a oferecer.
Somos pouco perto do que nos cobram e muito perto do que ofertamos.

"(...)

Ela: - Ué, o que houve?
Kézia: - Ahhh...acontece que... blá, blá, blá *essa parte pode ser suprimida*
Ela: Mas já não tinham te falado isso antes?
Kézia: - Pois é..tive de sofrer na pele.

(...)"