domingo, 31 de dezembro de 2006

"Adeus ano velho, feliz ano novo!"

"O ano termina e nasce outra vez!!"

FELIZ ANO NOVO!!

quarta-feira, 27 de dezembro de 2006

Olá,
Bom...em um ano aconteceram tantas coisas...

No esporte, perdemos a copa e a chance do hexa;
o maior e melhor piloto de todos os tempos perdeu o octa e se aposentou *snif, snif, snif* ;
fomos bi campeões mundiais de vôlei masculino *nosssssa, e que vôlei* ;
Massinha conquistou sua primeira vitória, e foi no Brasil (coisa que o Rubinho ficou 10 anos para conseguir, e não conseguiu), e mais tantas outras coisas...

No geral, a aviação brasileira entrou em colapso;
Raul Cortez morreu, e o Palhaço Carequinha tb (ele fez parte da minha infância, lembro da coordenadora da escola nos obrigando a cantar as músicas dele...hehehe...);
Tom Cruise teve uma filhinha (que por sinal é linda...*tb, com um pai daquele* )...
as novelas só pioraram;
Lula foi reeleito, as eleições provaram que, definitivamente, o povo gosta é de sofrer e de ser roubado...

No pessoal...hummm...
Quebrei a cara algumas vezes, em outras paguei pra ver;
nunca paguei tanto a língua quanto nesse ano *noooooossa* ;
poderia ter sido diferente, mas não me arrependo de nada, muito pelo contrário;
descobri um lado Kézia que eu não conhecia;
escola, finalmente, chegou ao fim;
fiz alguns amigos, perdi outros, porém, o saldo é positivo...
e por último, porém, não menos importante,
tirei carteira de motorista *esperei muito por isso, todos os meses, dias, minutos e segundos desde os 15 anos*...

Pois é, 27 de Dezembro, um ano de blog aqui, tantas coisas aconteceram, e de uma forma ou de outra, foram registradas aqui, quantos momentos de incontrolável fúria passei, felicidades, surpresas, alegrias e tristezas, tudo deixado aqui, mesmo que muitos não tenham entendido...hehehe...

É isso, que muitos outros anos venham pela frente!!

B-jos e,
até...

domingo, 24 de dezembro de 2006

"Desde o dia em que eu te reencontrei
me lembrei daquele lindo lugar
que na minha infância era especial para mim

Quero saber
se comigo você quer ir dançar
se me der a mão eu te levarei
por um caminho cheio de sombras e de luz

Você pode até não perceber
mas o meu coração se amarrou em você
e precisa de alguém
pra lhe mostrar o amor que o mundo te dá

Meu alegre coração palpita
por um universo de esperança
me dê a mão
pra fugir dessa terrível escuridão"


PS.: Adoro essa musiquinha!!
"Ciúme, ciúme, eu me mordo de ciúme,
eu me mordo , eu me mordo de ciúme,
eu me mordo, eu me rasgo, eu me acabo,
eu faço bobagem, eu falo bobagem,
eu do vexame, eu passo recibo,
eu faço cena de amor,
ciúme, ciúme, eu me mordo"

(Ciúme - Ultrage a Rigor)

PS.: Siiiiimmmm, eu mooooorro de ciúmes, eu me mordo, eu me rasgo, eu me acabo, falo bobagem, faço bobagem, faço cena (na verdade, nao faço cena não, não diretamente)...Essa é a minha parte preferida da música...a diferença é que...meu orgulho está sempre acima de tudo, não daria o braço a torcer...hehehe
Vander Lee - Esperando Aviões

Meus olhos te viram triste
Olhando pro infinito
Tentando ouvir o som do próprio grito
E o louco que ainda me resta
Só quis te levar pra festa
Você me amou de um jeito tão aflito

Que eu queria poder te dizer sem palavras
Eu queria poder te cantar sem canções
Eu queria viver morrendo em sua teia
Seu sangue correndo em minha veia
Seu cheiro morando em meus pulmões


Cada dia que passo sem sua presença
Sou um presidiário cumprindo sentença

Sou um velho diário perdido na areia
Esperando que você me leia
Sou hangar vazio esperando aviões

Sou o lamento no canto da sereia
Esperando o naufrágio das embarcações.


PS.: Música diferente, para momentos especiais...

sábado, 23 de dezembro de 2006

"Não te abras com teu amigo
Que ele um outro amigo tem.
E o amigo do teu amigo
Possui amigos também..."

(Espelho Mágico - Mário Quntana)


"Me fiz em mil pedaços, pra você juntar, e queria sempre achar explicação pra o que eu sentia..."

Lenine - Paciência

Mesmo quando tudo pede um pouco mais de calma
Até quando o corpo pede um pouco mais de alma
A vida não para

Enquanto o tempo acelera e pede pressa
Eu me recuso faço hora vou na valsa
A vida e tão rara

Enquanto todo mundo espera a cura do mal
E a loucura finge que isso tudo é normal
Eu finjo ter paciência

O mundo vai girando cada vez mais veloz
A gente espera do mundo e o mundo espera de nós
Um pouco mais de paciência


Será que é o tempo que lhe falta pra perceber
Será que temos esse tempo pra perder
E quem quer saber

A vida é tão rara(Tão rara)

Mesmo quando tudo pede um pouco mais de calma
Mesmo quando o corpo pede um pouco mais de alma
Eu sei, a vida não para (a vida não para não)

Será que é tempo que me falta pra perceber
Será que temos esse tempo pra perder
E quem quer saber
A vida é tão rara(tão rara)

Mesmo quando tudo pede um pouco mais de calma
Até quando o corpo pede um pouco mais de alma
Eu sei,a vida não para (a vida não para não...a vida não para)



PS.: Paciência...eu preciso de paciência...o tempo passa cada vez mais rápido...e eu aqui...eu quero tudo, eu quero o mundo, o universo, a vida...a minha vida...e ela não pára, nunca. Minha mente está a mil, centenas de coisas diferentes ao mesmo tempo, mas meu corpo não acpmpanha, ele só quer parar, pede sempre calma...

quinta-feira, 21 de dezembro de 2006

AAAAHHHHHHH!!!

Primeira e última vez que me verá assim....
Atitude inaceitável, de criança birrenta que não sabe o que quer...
repudio tudo isso...inaceitável, é inconcebível que tenha chegado a esse ponto...não dá...nunca mais... ;.;

PS.: Pode guardar bem essa cena...pois ela não vai se repetir!!!...

domingo, 17 de dezembro de 2006


Siiiiimmmmm!!!!
Depois de tanto tempo, tanta espera, finalmente...
ESTOU DIRIGINDO!!!
TIREI CARTEIRA DE MOTORISTA!!!!
Mto bom, mto bom, mto bom! Feliz, feliz, feliz!!
Olá!!
Enfim, depois de um tempinho longe, estou de volta, sem mto o que postar, por enquanto estou sem textos novos, porém, com mtas novidades!!
Bem, é isso...

B-jos e,
Até...

PS.: "Só o que é bom dura tempo bastante pra se tornar inesquecível!!"

domingo, 3 de dezembro de 2006

"Eu nao vou pro Ceu.
Eu nao sou um anjinho.
Eu desejo coisas sorrdidas.
Tenho pensamentos sujos.
Nao sinto a menor culpa
por essa tralha pecaminosa
que ja me corrompeu,
me corrompe
e ainda me corromperá."
(Ginger Lipstick)

PS.: Gostei muito desse texto!! XDD

"Fazer um desenho nas costas da mão
Despir a consciência das dores morais
Jogar uma vaca do décimo andar
Viajar sob a lua que varre os sertões
Uma ostra chilena, um beijo em Paris
Se cortasse o cabelo e mudasse o nariz
Se Vital escrevesse a constituição
Se eu nunca quisesse quem nunca me quis
Ser dois e ser dez e ainda ser um
Se a vingança apagasse a dor que eu senti
Ser seco, ser reto, isento à moral
Se eu nunca lembrasse o estrago que eu fiz
Tudo isso me faria feliz
Absurdos me fariam feliz
Pero nada me hará tan feliz como dos margaritas "

Hebert Viana

sábado, 2 de dezembro de 2006

"(...)
...Na verdade, ela sempre pareceu ter um certo fascinio pelo abismo.
Quase como se acreditasse que merece cair.
Nada do que eu tenha dito ou tenha feito mudou isso.
Nao sei se eh falta de amor próprio, ou carência extrema.
Na verdade, sei o que é.
é medo.
Medo de ser de alguém, e ter essa pessoa para si.
Medo de viver o mundo pelas regras do mundo.
Medo de ter alguém que possa vir a fazer falta um dia...
(...)"

PS.: Medo, medo, medo...covardia...quantas coisas deixamos de viver, quanto poderia ter sido, quanto seria mudado, quanto tudo podia acontecer se não fosse o medo...