quarta-feira, 28 de maio de 2014

Mag, Magzinha


Eu, finalmente apresento a minha Magzinha.
Ela nem é mais tao pequena assim, tá com 7 meses e nao para nem dormindo.

segunda-feira, 26 de maio de 2014

Me Dá Um Olá


Ultraje a Rigor

Me dá um olá
Me manda um oi
Onde cê está?
Onde é que foi?


Que eu estou no ar
Sem saber
Como cê está
Cadê você?


Cê não podia
Ter sumido assim
Cê sabe onde eu estou
Liga pra mim

Quem sabe um dia desses
Sua auto-estima baixa
Nossas agendas batem
E a gente se encaixa



P.S.: Isso é bem o que eu venho pensando esses dias, e novamente eu volto para o pequeno príncipe, a rosa e acho que a raposa, não tenho certeza dessa última, enfim.
Não é nem que você deva ficar responsável eternamente pela pessoa.
As pessoas tem sim o direito de ir embora, elas tem SIM o direito de não querer mais, elas podem sim desistir daquela história e querer construir outra.

O que eu não acho justo é o sumiço, ir embora sem justificativa, desaparecer sem avisar. Não, você nao tem o direito de fazer as pessoas sofrerem!

Acredito que se você quer sumir, beleza! SOME! DESAPARECE! Mas avisa antes, dá um toque. 
É só dizer: Estou indo embora, thcau. 
Precisa nem do tchau. Nem precisa de explicação. 
Os seus motivos são seus motivos e ninguém precisa ficar sabendo deles.

Olha, não dá para deixar a expectativa, não pode deixar que o outro fique esperando sem saber o que de fato aconteceu. 
Não é justo, Não é certo!

P.S.²: Só para ficar mesmo o pensamento do final de semana.

quarta-feira, 7 de maio de 2014

Só para registrar

Meu primeiro dia de aula foi assim:

As aulas começaram na segunda, mas eu só cheguei na sexta, atrasada.
O Gustavo me acompanhou quase que até a porta, porque eu estava com vergonha de entrar atrasada, me deu um beijo na testa e desejou boa sorte e boa aula.
Eu entrei, quase vermelha.
A sala era grande e estava lotada. Sentei na última cadeira da última fileira.
Observei uma pessoa conhecida.
Era aula de texto. O professor caricato.
A atividade era descrever uma, somente uma e não a história toda, cena de algum filme, qualquer um.
Não me veio NENHUM filme à cabeça.
Ele descreveu uma cena com o Hulk, ele riu, todos riram e eu não vi muita graça não. Talvez por eu não ter visto o filme. É, eu não sou boa com filmes.
Não me lembro qual cena de qual filme eu fiz.

Isso faz quase um ano e..naquele dia eu não fazia ideia de tudo o que viria pela frente.



P.S.: Acho que essa é uma das linhas tortas com escrita certa.