sexta-feira, 19 de fevereiro de 2010

~~Perdoa se eu chorar..É que a saudade dói demais..~~

Como foi dito, a dor de agora é a certeza de não mais tê-lo..mas a dor da semana que vem vai ser pior..vai ser o 'sentir falta', que é olhar as coisas que ele gostava, e fazia, e dizia, e ter a certeza de que ele não vai voltar..

E é isso..

terça-feira, 16 de fevereiro de 2010

Kézia, sai de cima do muro!!!!

"(...)

Eu: - Ahhh..eu sempre fico em cima do muro.
Ela: - E é por isso que você faz Parkour! XD

As duas: *risos*

Eu: - Essa com certeza vai para o blog!!! *mais risos*

(...) "

quinta-feira, 11 de fevereiro de 2010

"(...)

- E eles brigavam muito?
- No silêncio. Como um grito.

(...)"

[episódio de Could Case]

sexta-feira, 5 de fevereiro de 2010

Comentando Comentários

(Parte final, finalmente)

Maldito,


"è,..grande, mais interessante o duficiente para ser lido ate o final!
Inté
rsrs"

Obrigada!! XD



Sr. Overground,

1. "Éhhhhhhhhhhhhhhhhhh..
Vamos provar que somos algo que não somos!
Uhhuu! "

Somos quem podemos ser.

2. "Eu realmente precisava de ajuda.. =/"

Eu realmente não pude ajudar.

3. "E o que haveria de mais importante que partes suprimidas!?
p.s. Não era natural de Libra observar de todos os pontos de vista?"

As que estão evidentes!? As que de fato eram para ser entendidas!? õ.O
Não sei..não sou de seguir signos não. Quem rege a minha vida sou eu, e não o meu signo.



Angel,

1. "Parabéns pelos 4 anos! Desejos sinceros de um bloguinho de apenas um mês... rs.
Abraços."

Obrigada!!
Parabéns pelo primeiro mês, e que venham muitos outros pela frente!!

2. "Concordo com a moça ai de cima, haja autocontrole! Mas é possível sim, e aquele papo de "culpa do instinto" não cola.
Ótima reflexão! Abraço."

É, concordo com vocês (você e a moça de cima rsrs), instinto é emoção, tem de haver um equilíbrio, não dá para ser emoção sempre não, aí entra a razão, o saber se controlar, se conter a algum acontecimento algumas vezes incontrolável.
Enfim.. é isso. Obrigada.

3. "rs... Esse diálogo ai mostra o que acontece inúmeras vezes nos relacionamentos. As mulheres querendo a certeza de que são amadas, e nunca satisfeitas (palavras deles), e os homens, eternamente práticos. Custa dizer "eu te amo", por acaso?
Adorei ler!
Abraços."

Poxa...>_<"
Sabe..Por acaso custa..ao menos para mim...
O que acontece é que as mulheres são sentimentais, emocionais, se jogam de cabeça.
Os homens não, eles se seguram, não querem dizer para não se machucarem.
As mulheres não, elas dizem, sabendo que vão se machucar, dizem porque amam intensamente, e "querem gritar para o mundo inteiro ouvir".
Enfim..
Filisofei mais uma vez.
Gosto dos seus comentários, eles me fazem refletir sobre o que eu postei. ^^

Eu é que agradeço suas visitas frequêntes.


Júnior,

"Melhor amigo dela e depois se apaixona.
Meu aconteceu isso, era minha melhor amiga e do nada ficamos e hoje não vivo sem ela, melhor amiga e melhor namorada (LL "

Essas coisas são mais comuns do que imaginamos. ^^


Anônimo,

"Aprendi muito "

Fico contente que aprendeu algo por aqui.
Uma coisa eu não entendi...


Obrigada a todos pelas visitas e pelos comentários!! XD

B-jos e,
Até...

quarta-feira, 3 de fevereiro de 2010

Idem

" (...)

- Eu te amo.
- Idem.
- Por que você nunca diz?
- O que?
- Que me ama. Você nunca diz.
- Eu acabei de dizer.
- Não, você acabou de dizer "Idem".
- É a mesma coisa.
- Não, não é a mesma coisa.
- Qual a diferença?
- A diferença é que eu sempre digo que te amo e você sempre reponde "Idem".
- E?
- E eu to cansada.
- Do que?
- De ser a única que ama por aqui.
- Você sabe que eu sinto o mesmo...
- Não, eu não sei. Eu não sei de muitas coisas, há muito tempo.
- Pra que você quer que eu diga com essas palavras? Os sentimentos existiam antes do alfabeto sequer ser inventado.
- Não vem com aquela história de que a poesia era mais velha que a livraria...
- Adoro essa frase.
- Por que você sempre desvirtua a conversa quando eu chego a esse ponto?
- Eu não disse nada.
- Exato, esse é o grande problema por aqui.
- O que você quer?
- Eu só queria ouvir você dizer, é importante pra mim.
- Dizer o que?
- Que me ama também. "Idem" não é suficiente. Não mais.
- Por que você faz tanta questão disso? Eu to aqui do seu lado, na mesma cama que você.
- Seu corpo tá aqui, mas você não.
- A gente acabou de fazer sexo, eu to aqui.
- A gente acabou de fazer amor, mas você é incapaz de proferir essas três palavras.
- Tá bom, que seja. Eu te amo, satisfeita?
- Agora sim.

(...)"

[do filme Ghost]

Sempre adorei essa parte, não sabia muito bem porque..talvez eu tenha me identificado com a cena antes mesmo de sentí-la. Hoje é fato, continuo me identificando, porem hoje eu a sinto, entendo o que quer dizer.







P.S.: Eu acho o "IDEM" muito válido XD