sábado, 30 de setembro de 2006

...

"De repente
ela o sentiu imensamente triste
imensamente perdido
se afogando em seu próprio delírio

quanto mais sonhava
mais longe ficava desse mundo

uma angústia toma conta de sua alma
desespero controla sua mente
seu corpo é consumido pelo horror
resta somente a vontade de ser feliz... "

por Kézia
12:10 23/9/2006

PS.: Não ia postar esse texto não...mudei de idéia. Apesar de rescente, ele foi escrito em um outro momento, não diz muito do agora, e sim, do antes..mesmo assim, está valendo!

PS. 2: Interprete-o quem for capaz!!! huahuahua

segunda-feira, 25 de setembro de 2006

Pode até às vezes não parecer, mas...NÃO, EU NÃO SEI LER MENTES e...NÃO EU NÃO TENHO BOLA DE CRISTAL!!! P****!!!

domingo, 24 de setembro de 2006

Eu não tenho certeza se um dia já fui totalmente entendida por alguém, nem tenho certeza se um dia eu já me entendi por inteiro...
Mas tento fazer o possível para ser simples e transparente em minhas falas e atitudes...algumas vezes, as palavras são desnecessárias (acredito nisso), sei que nem sempre são, e peco muito nesse ponto. Meus olhos dizem muito, dizem tudo, até mais do que realmente é preciso, poucos notam, poucos sabem ler em ações o que gostariam que fosse passado em palavras concretas e diretas...
Apesar de ter consciência de tudo isso, sei também que alguns conseguem ver muito mais em mim do que realmente estou disposta a passar, não sei se é bom...
Não escondo, omito, respondo se for questionada, desde que haja interesse em conhecer a resposta...

É tudo muito simples...
"Eu não percebia, era tudo uma brincadeira inconseqüênte"

sábado, 23 de setembro de 2006

Eu li esse texto e concordo totalmente com ele!!! hehehehehehe

Os homens

Os homens bons são feios .
Os homens bonitos não são bons.
Os homens bonitos e bons são gays.
Os homens bonitos, bons e heterossexuais estão casados.
Os homens que não são bonitos, mas são bons, não têm dinheiro.
Os homens que não são bonitos, mas que são bons e com dinheiro, pensam que só estamos atrás de seu dinheiro.
Os homens bonitos, que não são bons e são heterossexuais, não acham que somos suficientemente bonitas.
Os homens que nos acham bonitas, que são heterossexuais, bons e têm dinheiro, são covardes.
Os homens que são bonitos, bons, têm dinheiro e graças a Deus são heterossexuais, são tímidos e NUNCA DÃO O PRIMEIRO PASSO!
Os homens que nunca dão o primeiro passo, automaticamente perdem o interesse em nós quando tomamos a iniciativa.
AGORA... QUEM NESSE MUNDO ENTENDE OS HOMENS?

Moral da História:
Homens são como um bom vinho.
Todos começam como uvas, e é dever da mulher pisoteá-los e mantê-los no escuro até que amadureçam e se tornem uma boa companhia pro jantar.
" (...)
- Ninguém conhece o meu coração...
- Vai ver que é por isso que ele ainda está batendo. Para te dar uma segunda chance de conhecê-lo...
(...)"

(Não me lembro em qual foi o filme, mas acho que foi "O mistério da libélula")

PS.: Não há como deixar-se conhecer, se nem mesmo tu te conhece...

Primavera


Olá!

Sim, é primavera,
a estação que renova as cores,
que tras a esperança,
que anima os dias
e tras de volta o ânimo
de quem sabe, tudo mundar (outra vez)

Boa primavera a todos!

B-jos e,
Até...

domingo, 17 de setembro de 2006

Olá...

Definitivamente...expressar o que sinto não é comigo...o que posso fazer?

B-jos e,
Até...
The Originals - Vem Me Ajudar
Rossini Pinto

Perdi você
Porque eu julguei
Que o nosso amor
Não fosse durar

Já não sei o que fazer
Nem por onde vou
Tento esquecer
Pra não mais chorar
Já pedi seu perdão
Por tudo que fiz
Só seu amor me faz tão feliz
Volte logo, meu bem
Não posso esperar

Pois eu preciso do seu olhar

Eu grito seu nome chorando,
Mas você não ouve
Vem, vem me ajudar
Sem seu carinho
Eu não posso viver
Vem, vem me ajudar
Porque só tem espinhos
No meu caminho
Vem, vem me ajudar
Eu necessito de alguém para mim
Vem, vem me ajudar
A minha noite é fria, sem alegria

O meu viver
Não tem mais razão

Até o sol
Não tem mais calor
Eu vivia feliz
Pois tinha você
Que me deixou
Sem nada dizer
Levo a vida pensando onde estará
Quem tanto amo
De quem será
De que vale viver
Sozinho assim
Minha saudade
Não tem mais fim


Eu grito seu nome chorando,
Mas você não ouve
Vem, vem me ajudar
Sem seu carinho
Eu não posso viver
Vem, vem me ajudar
Porque só tem espinhos
No meu caminho
Vem, vem me ajudar
Eu necessito de alguém para mim
Vem, vem me ajudar
A minha noite é fria, sem alegria

domingo, 10 de setembro de 2006


Olá...

Sem muito o que dizer, meio perdida, sem rumo...não sei o que aconteceu...

Depois de uns 8 anos, eu nao sei mais como vai ser, o q vai ser, a espectativa, a certeza de sempre, simplesmente chegaram ao fim...

"...E agora José???? a festa acabou, o povo sumiu, a luz apagou....e agora José??"

sexta-feira, 8 de setembro de 2006

"Sabe que eu gosto mesmo de você, bem do jeito que você é..."

Comentando comentários

Olá!!

Estou devendo esses comentários a um tempo já:

Natália, presença sempre constante aqui, comentários que sempre acrescentam algo, obrigada pela presença, e volte sempre!

Livia, adorei os seus muitos comentários enormes e filosóficos!
Eu sei, eu sei, as pessoas querem sempre mais do que temos a oferecer a elas, não posso fazer nada...isso é um problema que elas devem resolver e que eu não posso ajudar!!

e por último, porém não menos importante....

Gustavoooooo, seus comentários são sempre os melhores, sempre!!!
Sabe eque a casa é sua, né?!? apareça sempre que quiser, e comente!!

B-josss e,
Até...

quinta-feira, 7 de setembro de 2006

"...mas, não é necessário que eles saibam o quão importes são para mim..."

PS: Essa frase explica muito da forma como penso...

Koalas, dormem quase 20 hrs por dia, lindos, simpáticos....ahhhh
"...estive lá, na sua presença, só pra saber o que vc diria sobre nós..."
(CBJ - Longe de você)

domingo, 3 de setembro de 2006

REVERÊNCIA AO DESTINO

Falar é completamente fácil, quando se tem palavras em mente que expressem sua opinião.
Difícil é expressar por gestos e atitudes o que realmente queremos dizer, o quanto queremos dizer, antes que a pessoa se vá.
Fácil é julgar pessoas que estão sendo expostas pelas circunstâncias.
Difícil é encontrar e refletir sobre os seus erros, ou tentar fazer diferente algo que já fez muito errado.
Fácil é ser colega, fazer companhia a alguém, dizer o que ele deseja ouvir.
Difícil é ser amigo para todas as horas e dizer sempre a verdade quando for preciso. E com confiança no que diz.
Fácil é analisar a situação alheia e poder aconselhar sobre esta situação.
Difícil é vivenciar esta situação e saber o que fazer. Ou ter coragem pra fazer.
Fácil é demonstrar raiva e impaciência quando algo o deixa irritado.
Difícil é expressar o seu amor a alguém que realmente te conhece, te respeita e te entende. E é assim que perdemos pessoas especiais.
Fácil é mentir aos quatro ventos o que tentamos camuflar.
Difícil é mentir para o nosso coração.
Fácil é ver o que queremos enxergar.
Difícil é saber que nos iludimos com o que achávamos ter visto. Admitir que nos deixamos levar, mais uma vez, isso é difícil.
Fácil é dizer "oi" ou "como vai?"
Difícil é dizer "adeus". Principalmente quando somos culpados pela partida de alguém de nossas vidas...
Fácil é abraçar, apertar as mãos, beijar de olhos fechados.
Difícil é sentir a energia que é transmitida. Aquela que toma conta do corpo como uma corrente elétrica quando tocamos a pessoa certa.
Fácil é querer ser amado.
Difícil é amar completamente só. Amar de verdade, sem ter medo de viver, sem ter medo do depois. Amar e se entregar. E aprender a dar valor somente a quem te ama.
Fácil é ouvir a música que toca.
Difícil é ouvir a sua consciência. Acenando o tempo todo, mostrando nossas escolhas erradas.
Fácil é ditar regras.
Difícil é seguí-las. Ter a noção exata de nossas próprias vidas, ao invés de ter noção das vidas dos outros.
Fácil é perguntar o que deseja saber.
Difícil é estar preparado para escutar esta resposta. Ou querer entender a resposta.
Fácil é chorar ou sorrir quando der vontade.
Difícil é sorrir com vontade de chorar ou chorar de rir, de alegria.
Fácil é dar um beijo.
Difícil é entregar a alma. Sinceramente, por inteiro.
Fácil é sair com várias pessoas ao longo da vida.
Difícil é entender que pouquíssimas delas vão te aceitar como você é e te fazer feliz por inteiro.
Fácil é ocupar um lugar na caderneta telefônica.
Difícil é ocupar o coração de alguém. Saber que se é realmente amado.
Fácil é sonhar todas as noites.
Difícil é lutar por um sonho.
Eterno, é tudo aquilo que dura uma fração de segundo,mas com tamanha intensidade, que se petrifica, e nenhuma força jamais o resgata.

(Carlos Drummond de Andrade)


PS.: Fácil e difícil, duas faces da mesma moeda...a vida é mais difícil que fácil, mas é exatamente isso que a torna tão incrível...XD

sábado, 2 de setembro de 2006

Oswaldo Montenegro - Metade

Que a força do medo que tenho
não me impeça de ver o que anseio

que a morte de tudo em que acredito
não me tape os ouvidos e a boca
porque metade de mim é o que eu grito
mas a outra metade é silêncio.


Que a música que ouço ao longe
seja linda ainda que tristeza
que a mulher que amo seja pra sempre amada
mesmo que distante
porque metade de mim é partida
mas a outra metade é saudade
.

Que as palavras que eu falo
não sejam ouvidas como prece e nem repetidas com
fervor
apenas respeitadas como a única coisa
que resta a um homem inundado de sentimentos
porque metade de mim é o que ouço
mas a outra metade é o que calo.


Que essa minha vontade de ir embora
se transforme na calma e na paz que eu mereço
e que essa tensão que me corrói por dentro
seja um dia recompensada
porque metade de mim é o que penso
mas a outra metade é um vulcão.


Que o medo da solidão se afaste
e que o convívio comigo mesmo se torne ao menos
suportável

que o espelho reflita em meu rosto num doce sorriso
que eu me lembro ter dado na infância
porque metade de mim é a lembrança do que fui
a outra metade não sei.

Que não seja preciso mais do que uma simples alegria
pra me fazer aquietar o espírito

e que o teu silêncio me fale cada vez mais
porque metade de mim é abrigo
mas a outra metade é cansaço.

Que a arte nos aponte uma resposta
mesmo que ela não saiba
e que ninguém a tente complicar
porque é preciso simplicidade pra fazê-la florescer
porque metade de mim é platéia
e a outra metade é canção.

E que a minha loucura seja perdoada
porque metade de mim é amor
e a outra metade também.


PS.: Metades, sempre metades....'as pessoas se completam, não por serem metades, mas por serem pessoas inteiras, dispostas a dividirem objetivos comuns, alegrias e a vida...'