domingo, 26 de outubro de 2008

"Os ciumentos não precisam de causa para o ciúme: têm ciúme, nada mais.
O ciúme é monstro que se gera em si mesmo e de si nasce".


- Ato III - Cena IV: Emília

Otelo
William Shakespeare

Nenhum comentário: