segunda-feira, 25 de agosto de 2008

De blog para blog

Olá,

Depois que li "O que é distância?" do Sete, fui refletir sobre distância e saudade...
Acredito que são coisas intimamente ligadas uma a outra.

Talvez a lógica responda o.O
Vamos desenvolver o raciocínio:

Se há distância, então há saudade.

Nesse caso, a distância é suficiente para a saudade e a saudade necessária para a distância...

Bem, a primeira parte até que fez sentido, mas a segunda não ficou boa.
E se for ao contrário?

Se há saudade, então há distância.

Dessa vez, a saudade é suficiente para a distância, e a distância necessária para a saudade...

Ok, o raciocínio lógico está correto, os argumentos perfeitos, a utilização do "se então" e sua análise também...
Então qual é o problema, por que ainda não faz sentido?

Talvez porque nem tudo que a lógica explique faça sentido para o coração...
Ela explica fatos, e não sentimentos...

Pior que a distância física dos corpos, é a distância emocional das almas.
É aquela sensação estranha de que mesmo estando perto, existe um abismo enorme entre as pessoas...

"se um abismo separa a gente quem fez a escavação não fui eu"

Os olhos não mais se acham, as peles não se tocam, os olhares não se cruzam e os universos agora são paralelos e não mais se encontram...

A vida continua, a saudade permanece...
e a distância?


Bem...
fica a questão..

B-jos e,
Até...

Nenhum comentário: