terça-feira, 15 de julho de 2008

"A velocidade que emociona é a mesma que mata,
o sorriso antigo agora é lágrima barata,
a vida não pede licença
e muito menos desculpa
o perdão é o que possibilita o nascimento da culpa"

(O jardim do silêncio - Paulinho Moska)

2 comentários:

Heygon disse...

"Eu estou aprendendo tudo sobre minha vida
Olhando pelos olhos dela"

aushauhuahsuhaushauhshas
usando partes de post diferente pra economizar tempo!!
XD
A velocidade pode ser mais emocionante q a vida, mas no erro a vida pode te proporciona uma segunda chance, diferente do estrago que um acidente pode provocar...
^^
bjão!

Rafa Ela disse...

nossa... quanto tempo não venho aqui!

é... a vida não pede mesmo desculpa... sei disso... também não espero por isso!!

saudades de ti...
bjin!! xD