quinta-feira, 27 de dezembro de 2007


Olá!

E entao, mais um ano!

Esse foi de longe o ano mais estranho de todos.

Na balança, entre bater e apanhar, dessa vez o saldo ficou negativo. Bati, machuquei, feri, porém, ficaram mais sequelas do que eu imaginava; chorei, gritei, pirei, "quis morrer de ciúmes, quase enlouqueci, mas como era de costume, abedeci", senti, essa é a palavra, SENTIR é o verbo que define esse ano.
Senti raiva, medo, vontade de chorar, vontade de sumir, sensação de vazio (e não era fome não =p), fome quase não senti, saudade, aflição, angústia, "contentamento descontente, dor que desatina sem doer", felicidade, leveza, alegria, enfim, senti muito, bastante, tudo, quase mais do que eu pude aguentar...

Corri, corri muito, demais, aprendi (ou quase) a escutar, a ficar calada, a me segurar nas respostas (ou quase).

Cresci, esse foi o ano em que mais cresci, intelectualmente falando, claro, porque o tamanho (zinho) continua o mesmo. Meu conhecimento sobre coisas úteis ( e inúteis) deu um salto giganteco. Comparado aos outros anos não li praticamente nenhum livro, o que não quer dizer que eu não tenha lido. Li bastante, bula de remédio (e como), crônicas (Tati que o diga, até comentário deixei ^^), CF (e esse virou meu livro de cabeceira), Código Penal, CLT, Fernando Pessoa (claro, sempre ele), li, e isso é o que importa.

E depois de 365 dias (371 na verdade), o segundo acontecimento mais importante, minha definitiva em minhas mãos *_*, nooossa, como foi esperada!! XD

Ok, ok, eu, eu, eu fiz isso, aconteceu aquilo, mas...e no mundo, o houve no mundo esse ano?
Hum, o mundo que se exploda!! No meu mundo, o que importa sou eu!!! (aewwwww, momento completamente autoritário)

Tirei fotos, muitas fotos, fiz um flog, um flickr (siiiiiim, Kézia com essas coisas todas), lógico que tudo com a forma "Kézia" de ser.

Enfim, muito se fez, muito aconteceu. Pessoas foram, pessoas vieram e TUDO isso está aqui, de um jeito meio torto, subentendido, porém, aqui.

E é isso, mais um ano.
E que muuuuuuuuitos outros ainda estejam por vir! \o/

B-jos e,
Até...

2 comentários:

Lila disse...

Bem, se você cresceu isso que importa neh?!
Acho que esse ano eu aprendi a escutar mais você, seja pq a gente se viu menos, mas eu passei a deixar de reclamar um pouco da minha vida pra ouvir como que tá a sua!!
E é isso aew, egocêntrica, que o resto do mundo se exploda xP (morri de rir nessa parte)!!!
Saudade de ti, cara de peixe morto xD
A gente vai aprendendo a sentir saudade neh... odeio essa tal de saudade, ôh bichinha infeliz >/
De qualquer forma, pessoas podem ir e vir, mas eu vou sempre estar aqui ó _o/ por todos esses anos que virão, até a gente ficar velhinha, olhar pra trás e rir do que faz hoje em dia \o/

Kéziaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa
Te adoro, cara de concha xP

ps.: Eita comentário grande da peeeeste xD

Naty disse...

Como fala essa Lila, quase ocupa a pagina inteira.
Feliz ano novo Kezia, que vc sinta, sinta tudo e de preferência tudo de bom, um otimo ano com tudo que tem reservado o futuro pra vc, não se preocupe tudo vai dar certo, sempre da certo.
Beijossssss