quinta-feira, 16 de abril de 2009

"Então, aperta minha mão e me diz que eu posso deixar tudo isso pra trás sem tanta dor. Eu preciso ser adulta sem achar que tô matando o principal. Entende? Você pode? Me amar quando eu não posso ser adulta? Pra que eu seja sabendo que se eu não puder tudo bem e isso me dá forças pra ser mais e mais? Eu já sou. Você pode?"

(Tati)



P.S.: Eu sei que você pode.

4 comentários:

energizeme disse...

Você já sabe a resposta.

Raffs disse...

xD

de novo..
quando fui postar, pensei que isso pudesse acontecer.. na hora que li... sabia ^^

adoro isso, sabia?! rsss... conversamos as três: eu, você e Tati...

me divirto xD

saudades de você..
temos que treinaaaar!!

bjuz querida Kézia..

Raffs disse...

p.s.: a diferença dos nossos trechos é que minha história acaba como a da Tati.. a sua, felizmente, tem um "P.S.: Eu sei que você pode"

um dia eu chego lá ^^

Helô Müller disse...

Ah .... adoro Tati tb ! Perfeita, intensa, ela é demais !
Linda escolha !